Ministro Gilmar Mendes concede habeas corpus ao ex-prefeito Celso Luiz
12/04/2018 - 23h29 em Politica

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes, concedeu  nesta quinta-feira (12) habeas corpus ao ex-prefeito de Canapi, Celso Luiz, preso acusado de desviar R$ 17 milhões dos cofres públicos. Ele estava detido desde maio do ano passado em uma ala especial no Presídio Cyridião Durval.

Uma operação deflagrada recentemente pela Polícia Federal teve como finalidade desarticular uma organização criminosa responsável por um prejuízo que chega a R$ 17 milhões, dinheiro oriundo do antigo Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério (Fundef) e de outros programas do governo federal na área de educação, que foi depositado pela União nas contas da Prefeitura de Canapi, entre 2015 e 2016.

O escândalo envolvendo Celso Luiz e a Prefeitura de Canapi foi motivo der matéria no programa Fantástico da Rede Globo de Televisão.

Justiça

Convém lembrar que a Justiça, em janeiro deste ano,  condenou o ex-prefeito e a ex-presidente do Instituto de Previdência do Município (Iprev) Maria de Lourdes da Silva pelo desvio da contribuição previdenciária dos servidores. Eles foram condenados a devolverem mais de R$ 2 milhões aos cofres públicos da prefeitura.

Celso Luiz também foi condenado a pagar uma multa civil de R$ 1 milhão, além de ter os direitos políticos suspensos por oito anos. Já Maria de Lourdes da Silva deverá pagar multa de R$ 100 mil. Esses valores serão revertidos ao Iprev do município. Vale destacar que o caso cabe recurso da decisão.

*Redação Alagoas Alerta 

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!